08/08/2019 02:22
Bar dá cerveja grátis para quem recolher bitucas da praia
A bebida oferecida pelo bar é distribuída em um copo 100% biodegradável.

Um copinho cheio de bitucas por um copo cheio de cerveja ou refrigerante. Esta é a proposta de um quiosque à beira-mar em Castelldefels, a 20km de Barcelona na Espanha, para incentivar seus clientes a ajudarem a manter a praia limpa. Já é o quarto ano consecutivo que o estabelecimento realiza a ação.

O bar ressalta que um único filtro de cigarro é suficiente para contaminar três litros de água do mar. Além da poluição, os animais marinhos podem confundir os componentes e ingeri-los. Como não dá para mudar o mundo sem mudar o quintal de casa, o bar "El Chiringuito Tibu-Ron" começou a conscientizar os banhistas que frequentam o espaço.

Além disso, oferece gratuitamente cinzeiros de praia para todos os banhistas fumantes. "O bar tem como objetivo erradicar a percepção equivocada de que jogar apenas uma ponta de cigarro na areia não prejudica o estado da praia", explica o estabelecimento ao apresentar a iniciativa.

Todas as bebidas distribuídas neste bar são dispostas em um copo feito de material derivado de milho que é 100% biodegradável. Também os canudos têm a mesma composição, o que, segundo a empresa, garante que eles possam ser decompostos a partir de sessenta dias em ambiente adequado. Garfos plásticos, antes ofertados aos clientes, foram substituídos por outros de madeira. Para viagem, as embalagens são de papelão, copos e sacos são de papel e mexedores de madeira.

Para incentivar a reciclagem na praia, foi criado um espaço chamado Green Corner com baldes específicos para plástico, papel e vidro -, agilizando a coleta seletiva.

Como parte de um projeto chamado Siguem Solidaris, o bar lança a iniciativa da bebida grátis sempre no verão -, quando a praia lota e a produção de lixo aumenta. A medida ainda pode ter um impacto a longo prazo, afinal os banhistas podem repensar suas atitudes também quando estiverem em outro lugar.

Além desta, outras ações já foram realizadas, como a coleta de tampinhas plásticas da praia que foram posteriormente vendidas a usinas de reciclagem para alocar fundos para o combate ao câncer infantil. Ou seja, os projetos vão desde a limpeza da praia até colaborações com ONGs para ajudar em diferentes causas.

Fonte: Site: www.ciclovivo.com; imagem: www.pixabay.com
Comentários (0)

Seja o primeiro a comentar!

Nome:
E-mail:

* seu e-mail não será publicado.
Comentário:
Digite o código ao lado:
(gerar outro código)